Presidente da Intrader DTVM é preso pela Polícia Federal

O presidente da Intrader DTVM, Edson Hydalgo Junior, também foi um dos presos da operação Encilhamento da Polícia Federal, que é um desmembramento da Operação Fantasma. O esquema envolvia corretoras de valores, empresas de fachada, consultores de investimentos e institutos de previdência. O valor da fraude teria chegado a R$ 1,3 bilhão. O nome dele já circulava no mercado, porém grafado incorretamente como Edson Hidalgo Junior, da Hidalgo Informática. Segundo nota enviada ao Money Times, o executivo foi alvo “apenas no âmbito de suas operações como pessoa física”.

policia federal_intrader dtvm

A Intrader enviou o seguinte esclarecimento:

A Intrader, pautada por rigoroso controle dos processos e pelo respeito aos regulamentos do país, esclarece que o executivo Edson Hydalgo Junior prestou os devidos esclarecimentos ao órgão competente e foi liberado na sequência.

 
O profissional continua a desenvolver as suas atividades na área comercial com os mesmos rigorosos padrões éticos e os compromissos com as leis e regulações do país que o guiaram ao longo dos mais de 20 anos de atuação no mercado.

A empresa reitera ainda que o caso em questão ocorreu apenas no âmbito das atividades do executivo como pessoa física. A Intrader, portanto, não tem nenhum envolvimento com as investigações e com a operação.

Veja também:

Filha de 14 anos manda mensagem para pai acusado de estupro: “Nojento”

Um homem é procurado por estuprar diversas vezes a filha, de 14 anos, ao longo de pelo menos três anos. Os abusos ocorriam durante...

Bolsonaro edita MP que reduz gatilho para revisão de tabela de frete

O presidente Jair Bolsonaro editou medida provisória para reduzir o percentual de variação do preço de óleo diesel que serve como gatilho para a revisão dos...

Novela Xica da Silva deve ganhar remake em 2025

O remake de Pantanal está fazendo sucesso com o público e rendendo alta audiência para a Rede Globo. No mesmo caminho, outras novelas clássicas...

Recentes