Polícia Federal prende ex-ministro da Educação Milton Ribeiro

A Polícia Federal prendeu preventivamente o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro, na manhã desta quarta-feira (22/6), em operação que investiga esquema de corrupção envolvendo pastores evangélicos durante a gestão dele à frente do MEC.

egundo apurou a coluna com fontes da PF e do Palácio do Planalto, Ribeiro foi preso no início da manhã em sua casa na cidade de Santos, no litoral paulista. A expectativa é que ele seja transferido para Brasília ainda nesta quarta.

A prisão foi determinada pelo juiz federal Renato Borelli. No mandado de prisão, ao qual a coluna teve acesso, o magistrado elenca ao menos quatro crimes que teriam sido cometidos por Ribeiro: corrupção passiva, prevaricação, advocacia administrativa e tráfico de influência.

Veja o documento:

A PF também cumpriu mandados de busca e apreensão em endereços dos pastores Arilton Moura e Gilmar Santos. Eles são ligados ao presidente Jair Bolsonaro (PL) e apontados como lobistas que atuavam no MEC, quando a pasta era comandada por Ribeiro.

Os pastores negociavam com prefeitos a liberação de recursos federais – mesmo sem ter cargo no governo.

Veja também:

Simaria aparece de surpresa em show de Simone e emociona a irmã

Pouco mais de um mês após anunciarem oficialmente a separação da dupla, Simone e Simaria voltaram a subir no palco juntas no último sábado...

Aos 50 anos, Luiza Ambiel recria famosa foto na banheira

Nesta segunda-feira (26), Luiza Ambiel pegou os fãs de surpresa. A morena recriou a famosa foto da banheira do Gugu, em que ela aparece usando um...

Deputados que desistiram

Dos 598 deputados federais que atuaram na atual legislatura, 49 não vão disputar nenhum cargo na eleição de outubro. Incluindo nomes de destaque como...

Recentes