Lula amplia vantagem sobre Bolsonaro no primeiro turno, aponta BTG/FSB

O pré-candidato a presidência Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ampliou a vantagem sobre o presidente Jair Bolsonaro (PL) na disputa pelo primeiro turno das eleições e alcançou seu melhor resultado até aqui, de acordo com a pesquisa do banco BTG Pactual feita pelo Instituto FSB e divulgada nesta segunda-feira (30/5).

Com a desistência de João Doria (PSDB) pela corrida ao Planalto, o petista passou de 41% para 46% das intenções de voto. Bolsonaro manteve os 32%.

Já em um eventual segundo turno entre os dois, Lula venceria com 54% da intenções de voto contra 35% de Bolsonaro. Resultado também é melhor do que o da última pesquisa, quando o ex-presidente venceria com 52%.

Os impactos da saída de Doria também refletiram no encolhimento da chamada 3º via, que passou de 17% para 13% das intenções de voto. Com isso, de acordo com a pesquisa, oito em cada 10 eleitores irão votar em Bolsonaro ou em Lula. 

Ciro Gomes (PDT) ocupa a terceira posição nas intenções de voto com 9%, seguido por Simone Tebet (MDB) com 2%. 

Ao todo, 72% dos eleitores afirmaram que já estão com a decisão tomada de quem irão votar em outubro, 27% afirmam que ainda podem mudar de candidato. 

Avaliação do governo 

O levantamento também questionou como as pessoas avaliam a gestão de Bolsonaro. Para 50% da população, a gestão é ruim ou péssima e 60% desaprova o presidente, enquanto 35% aprovam o chefe do Executivo.

O instituto ouviu 2 mil pessoas entre 27 e 29 de maio.

Veja também:

Simaria aparece de surpresa em show de Simone e emociona a irmã

Pouco mais de um mês após anunciarem oficialmente a separação da dupla, Simone e Simaria voltaram a subir no palco juntas no último sábado...

Aos 50 anos, Luiza Ambiel recria famosa foto na banheira

Nesta segunda-feira (26), Luiza Ambiel pegou os fãs de surpresa. A morena recriou a famosa foto da banheira do Gugu, em que ela aparece usando um...

Deputados que desistiram

Dos 598 deputados federais que atuaram na atual legislatura, 49 não vão disputar nenhum cargo na eleição de outubro. Incluindo nomes de destaque como...

Recentes