Governo Turco declara o início de ofensivas no Nordeste da Síria

Ataques aéreos causam grande pânico em civis

Nesta quarta-feira (9), Recep Tayyip Erdogan, presidente da Turquia, anunciou o início de uma ofensiva, após a saída dos Estados Unidos, no nordeste da Síria.

Para o governo, o alvo dos ataques seriam as forças comandadas pelos curdos, todas aliadas ao país de Trump, no conflito ao Estado Islâmico.

Segundo relatos, o ataque veio a atingir a cidade de Ras al-Ain, localizada próxima a fronteira Turca. As SDF (Forças Democráticas Sírias) mostraram sua indignação ao mencionar que durante o bombardeio aéreo, a cidade estava cheia de civis. Disseram ainda sobre o grande pânico causado nos moradores do local, que após a evacuação dos jihadistas, passaram o comando. 

O objetivo do governo Turco é criar, na fronteira com a Síria (local de concentração das forças curdas), uma “zona livre”. Erdogan argumenta que a milícia curda YPG tem atuado de maneira terrorista na região, além de estar por trás de outros ataques ao seu país. Ainda supõe que esses ataques podem estar ligados ao PPK (Partido dos Trabalhadores do Curdistão).

Após a saída de tropas estadunidenses da Turquia, o governo afirmou ter finalizado os preparativos de suas ofensivas. As FDS permaneceram em uma constante luta contra o Estado Islâmico, durante o apoio que receberam da coalizão internacional liderada por Washington.

O momento pelo qual o país enfrenta, é refletido pelas mudanças de estratégia por parte do governo dos Estados Unidos, no qual desconsidera os curdos aliados de Washington (lutaram pela queda do grupo extremista).

Como resultado, traz de volta o pânico que o grupo Jihadista para com os terroristas.

Veja também:

O nome de Lula para o Ministério da Educação

Lula teria uma novidade para a Educação, que pretende tornar uma das Pastas mais prestigiada de seu governo, se ganhar. Para o cargo seria...

O Brasil pode garantir o troféu na quinta-feira com um empate

Os jogos estão sendo realizados nos estádios Maktoum Bin Rashid Al Maktoum e Al Nasr.   A Dubai Cup Seniors está entregando o que prometeu, uma...

Ludmila Dayer é diagnosticada com esclerose múltipla

Ludmila Dayer, de 39 anos, revelou ter recebido o diagnóstico de esclerose múltipla. A atriz contou sobre a doença em uma live, na última...

Recentes